quarta-feira, 30 de março de 2011

Me!




Nos tempos do Kafunga!

Para começar com chave de ouro... lá vai uma música desse tempo...

Você é Doida Demais

Lindomar Castilho

Eu pensei em me entregar
Meu amor meu coração
Meu carinho e muito mais
Mas parei por um instante
Pensei mas dois minutinhos
E voltei um pouco atrás
Recordei que no passado
Você esteve ao meu lado
E roubou a minha paz
Hoje me serve de exemplo
Vou fugir enquanto é tempo
Você é doida demais
Você é doida demais
Você é doida demais
E você é doida demais
Doida, muito doida
Você é doida demais
Eu não quero e nem preciso
De amor doido e sem juízo
Para comigo viver
Pois eu sou aquele homem
Que pensou lhe dar o nome
E você nem quis saber
Todo dia me enganava
sempre voce me trocava
Pelo amor de outro rapaz
Você é tão leviana
Nisso você não me engana
Você é doida demais